domingo, 11 de abril de 2010

Legendários: um amontoado de profissionais perdidos

A mais esperada estréia da Rede Record nos últimos tempos causou uma sensação muito estranha para o telespectador. Uma divulgação tamanho família de um programa que aliaria humor com informação e entretenimento com profissionais gabaritados, oriundos em sua maioria da MTV, criou uma expectativa gigante em torno da estréia de Legendários.

O primeiro problema constatado foi logo no início quando Marcos Mion se apresentou ao público e ao telespectador. O excesso de didatismo fez com que ele parecesse muito mais um professor em aula monótona de filosofia do que um apresentador de TV. As contates mudança de câmera enquanto falava, e sempre no meio da frase, prejudicavam o entendimento do telespectador que certamente se irritou com isso que é desnecessário e prejudica o ritmo.

Todos os participantes estiveram presentes da na estréia, a maioria numa bancada que ficava na lateral do palco. Todos esperamos que eles estejam lá apenas na estréia, porque serviram somente como adereços no programa, sem necessidade desse artifício. A presença de João Gordo comentando os quadros diretamente de sua casa foi bem mais interessante, apesar dele não ter conseguido fugir do senso comum.

Esses problemas técnicos, facilmente resolvidos, mas que aparecem maior por ser numa emissora estruturada como a Rede Record, poderiam manchar a estréia de Legendários. Mas eles acabaram passando despercebidos diante do programa em si. Um programa que se proponha a entreter com humor e informação, mas que todos os seus quadros causam constrangimento, vergonha alheia mesmo. Esta é a melhor definição para o que se viu na noite de sábado na tela da emissora.

Uma sucessão de quadros absolutamente copiados de outras emissora (alguém lembrou do CQC no quadro do João Gordo? Alguém lembrou do quadro Repórter Inexperiente durante o Whatever? E até Os Intocáveis, programa da internet, teve momentos copiados) marcaram o tom desta estréia.

Cópia não é necessariamente ruim, principalmente quando feita com criatividade, porém nada ali funcionou. João Gordo não serve para reportagem, ao menos foi o que mostrou neste primeiro programa. A entrevista do quadro Whatever foi muito ruim e mal produzida, dando compaixão dos entrevistas (a dupla Chitãozinho e Xororó) e a seqüência de quadros foi ficando cada vez pior.

Marcos Mion fez questão de falar na estréia que a proposta do programa é entreter com qualidade, fugindo do humor pastelão e humilhante, segundo ele, Legendários não iria rir de ninguém, mas rir com todos. Todos quem? Legendários não teve um único momento de provocar gargalhada em seu telespectador.

Muito mais do que simplesmente isso, o que se viu em Legendários, foi um amontoado de profissionais perdidos e sem saber exatamente qual o rumo tomar para direcionar o programa. A cara de programa de MTV, barato, sem custos, feito às pressas, estava todo ali. Mas agora, Marcos Mion, você está na TV aberta, na segunda maior emissora do país, e todos esperavam muito, muito mais do fraco Legendários.


14 Quebraram tudo:

helio disse...

achei super chato, deu vontade de dorimir, e como diria Luciana Gimenez, telecurso 2000 e melhor q legendarios

Vin´cios disse...

Não foi algo magnifico... mas tbm não foi algo tão ruim como expresso nesta postagem!

Rogercg disse...

Mion, Solari e Elcio Coronato voltem para a MTV #porfavor

vanessa disse...

Se o programa era para rir ele me fez rir mas de vergonha alheia isso sim.

Letícia disse...

Desculpa aí! Eu ri, não sabia que não podia...
e não gostei do seu texto.

Daivison Tavares disse...

Eu nem consegui assistir só dei uma pincelada bem rapidinha.Eu não me agradei desde as chamadas,que na minha opinião muio mal feitas.
A Record ainda se atreve em tirar os artistas da MTV pra fazer uma porcaria daquelas.

Fake disse...

Cade o comentario sobre o final de cama de gato??

Alexandrina Lopes disse...

Eu não ri um único momento!!! E depois que apareceu a Geise, bizarra, como enfermeira, definitivamente desisti de ver...

o infortúneo. disse...

Não dá pra julgar o programa pela estreia, só poderá ser feito ao certo quando se consolidar, daqui no máximo 2 meses... conversei com Elcio Coronato, Legendario e ele disse que a proposta do Mion era juntar o bom de cada programa e fazer o Legendarios, de início não deu certo, temos que levar em conta a ousadia e que a expectativa tava altissíma, muita pressão.SAir de 0.6 pra 10 pontos de audiencia nao é tão fácil assim, salvaram os quadros do Elcio Coronato e Felipe Solari, o da Jaque Khury, faltya prática na TV, soou forçado, mas enfim, assistirei semana que vem.

Jack Bauer "dROp tHe GuN" disse...

realmente foi fraco..

o ponto alto mesmo foi a questao da interatividade! Essa ksim foi muito boa. o primeiro programa com algo assim no brasil.

Mas Legendarios pecou completamente em todo o resto. FOi uma tentativa de juntar o CQC com o Panico. Mas ficou sem a inteligencia do CQC e sem a irreverencia do Panico.

Tenho fé q isso será melhorado

sherlis gomes disse...

Vocês ainda não entenderam?

Legendários não é humor. É um noticiário jovem com uma pitada de humor e isso eu realmente vi e com muita qualidade. Legendários pode melhorar? Sim, com certeza, mas está bom. De 0 à 10 nota 8.

R@OG X-3 disse...

meu, dá até vergonha de dizer que aquil é um progama de humor....
assistir o leilão de joias é menos chato!!!!
todo mundo estava perdido, mion dirigindo é um horror!!!!!

FOXXavier disse...

Legendários não é pra ser um programa de humor. Entendam amiguinhos! Mion cansou de repetir isso na coletiva que apresentou a atração ao público e imprensa. Como posso fazer algo engraçado tocando em questões como sustentabilidade? e um cara pulando da ponto Rio- Niteroi? Como fazer isso engraçado?

O único quadro que desaprovei foi o da "entrevistadora" mesmo! Muito sem noção e sem necessidade de estar lá. E como assim não provocou nenhum momento de risada? o.O vc é louco ou o que? E Micover do Michael Jackson? imitação profissional, com toques da tosquice da MTV, Mion finalmente, está entrando na sua grande fase, torço muito pelo @mionzera

Alessandra S2 João Carlos disse...

eu gostei muito e o melhor que deu pra min assistir com minhas filhas q acharam muito engraçado.

Postar um comentário

Twitter Facebook Adicionar aos Favoritos Mais

 
Tecnologia do Blogger | por João Pedro Ferreira