domingo, 28 de novembro de 2010

O Fim do Casseta e Planeta é o fim de uma Era

A equipe de humoristas do Casseta e Planeta informou durante esta semana que o último programa do grupo será exibido pela Rede Globo no mês de dezembro e o programa - principal humorístico do país em números de audiência - não será exibido em 2011, terminando 19 anos após surgirem na TV.

A princípio, o que se viu, principalmente da nova geração de telespectadores, foi comemoração pelo fim do humorístico. Nos últimos 05 anos, desde a morte de Bussunda, principal roteirista do grupo, os Cassetas enfrentam uma difícil crise de audiência e criatividade. Vem perdendo pontos importantes na audiência e, principalmente em 2010, mesmo recebendo em alta das novelas - quase sempre acima dos 40 pontos, dão média de 23 pontos e entregam sempre abaixo dos 20 para a próxima atração.

Isso não justifica que se comemore o fim da atração. É evidente que havia um desgaste natural de quase duas décadas no ar e também uma clara crise de criatividade. É fato que o programa merecia um descanso - eterno ou não, aí vai da consciência de cada um - porém, quem começou a ver TV nos últimos 05, 06 anos, não pode nem tem o direito de fazer piadinhas macabras com o grupo.

Casseta e Planeta revolucionou a forma de se fazer humorístico na televisão brasileira. Antes do grupo só se via o mesmo formato de humor pastelão, fosse em programas ruins e de qualidade duvidosa ou até mesmo nos idolatrados Trapalhões ou Chico Anísio e até Jô Soares. Foi o grupo de universitários que tinham um jornal de humor que entraram para mudar o humor da televisão.

O grupo conseguiu o que poucos imaginavam. Numa década muito sofrida para a população brasileira, principalmente nos primeiros cinco anos, o Casseta e Planeta soube roubar a cena com humor inteligente, tiradas geniais, crítica social bem humorada e, principalmente, fugindo dos clichês, das caricaturas e do humor de cunho sexual, sempre mais fácil e mais vulgar.

Em tempos em que arrotar nas pessoas é engraçado, em tempos que entrevistar famosos e deixá-los sem graça é engraçado. Em tempos que ser mal educado é engraçado. Definitivamente não há espaço mais na TV para humor como Casseta e Planeta. Certamente a maioria dos telespectadores não conseguiam compreender a profundidade do humor do grupo - que, frise-se não vivia a melhor de suas fases e enfrentava uma crise de criatividade - e, por isso, o melhor a fazer é tirar do ar. Casseta e Planeta chega ao fim e fica guardado na memória da TV como o melhor humorístico já produzido. Descanse em paz.

7 Quebraram tudo:

Tarcísio disse...

Se foi bom no passado, não sei. Mas nos últimos anos, estava um verdadeiro lixo. E o fato de tirarem do ar é o mínimo que a Globo pode fazer com um programa que chega a ser um dos piores humorísticos da TV Brasileira, ATUALMENTE.

Ah... essa semana não vamos ter os '10 melhores da década' não?!?

Nair disse...

Ja vai tarde, eu ja teria tirado em 2008, quando entrou o Profissão Repórter na grade fixa após o saudoso Toma La Da Ca. O que foi bom e não é mais deve sair do ar e ser lembrado como algo diferente, que foi muito bom. E o casseta e planeta foi. Mas não ir deixando até ter um fim lamentável e ser lembrado como um produto que decaiu e se tornou uma porcaria.
O próximo que deve cair é a Grande Família, que já encheu também!
E que venham as novidades! !

fabiano sousa disse...

Concordo totalmente,
Foi sim um dos melhores programas humoristico de todos os tempos, Pânico na TV, CQC e tantos outros por aí não chega nem perto do que o Casseta foi e sempre será.

Léo disse...

Concordo em absoluto. (Infelizmente) sou dessa geração que acha que 'arrotar nos outros é engraçado, que entrevistar famosos e deixá-los sem graça é engraçado e que ser mal educado é engraçado', e me sinto completamente deslocado. Acho o humor do Casseta fantástico, justamente por essa crítica que faz a gente refletir sobre o que eles propõem. Se não fossem eles, provavelmente não existiria CQC e todos esses outros programas aí.

Uma vez tava assistindo a participação do Helio de la Peña no 'Irritando Fernanda Young', e ele comentou algo como "Os caras hoje em dia não sabem respeitar. Por mais que sejamos colegas de profissão, o Casseta sente essa disputa um pouco" (não foram essas as palavras), e concordei com ele.

Enfim, tb acho que não há mais espaço para um programa como o Casseta e Planeta nos dias de hoje, e concordo com o encerramento.

tvxséries disse...

O programa foi revolucionário mesmo. Era ótimo, mas foi perdendo o fôlego, infelizmente. Quem não conhece as Organizações Tabajara? E mais recentemente o lançamento do Seu Creysson?
Depois que o Bussunda morreu começou a maior queda, e também quando começaram a usar desenhos no lugar dos participantes. Era muito chato
Nos últimos tempos apenas a sátira da novela e algumas esquetes sobre política arrancavam bons risos.
Realmente chegou a hora de parar com o Casseta (coisas como Acarajete Love eram horríveis) e iniciar um novo projeto, que pela qualidade do pessoal, tem tudo pra ser ótimo.
(João Pedro)

Othon Pereira de Noroes disse...

boato rola novela Malhação vai acabar em 2011....

renovação e interação disse...

Já foi bom, ao menos até começarem a se envolver com política partidária, não piadas políticas, mas piadas com o intuito fazer críticas com analogias e produzir mensagens pra internalizar na população. Não deu certo! Se deixaram contaminar por sua dona (TV Globo) e ao tempo que ela (a Globo) preconizava horrores dos governos de esquerda, o público alvo focado (telespectadores do programa) manifestava índices históricos de aprovação desses governos. Evidente que isso refletiu na audiência e na crítica ao programa, criou-se uma predisposição do telespectador em negar as piadas do grupo, fazer críticas ao mesmo e até mudar de canal...

Postar um comentário

Twitter Facebook Adicionar aos Favoritos Mais

 
Tecnologia do Blogger | por João Pedro Ferreira