domingo, 21 de novembro de 2010

As 10 Melhores Revelações Femininas da Década

É, não é fácil conseguir arranjar tantos temas para continuar com nossa lista, tanto que semana passada, já foi necessária uma pequena mudança, mas, por essa semana, voltamos a tradicional lista de Melhores da Década. Como deixar de lembrar das atrizes que surgiram ou se consolidaram ao longo dos últimos 10 anos e foram alvos de elogios da crítica? Vamos às 10 Melhores Revelações Femininas da Década



10 - Giovana Antonelli

Ela está na TV faz tempo. Desde meados da década de 90 aparecia em pequenas participações, ainda criança. Conforme foi crescendo, conseguiu alguns pequenos papéis, como em Xica da Silva e Força de um Desejo. Seu primeiro personagem que ganhou algum destaque foi Capitu de Laços de Família, ainda na década anterior. Mas foi nesta década que conseguiu destaque. Giovana foi protagonista de um grande sucesso do principal horário global, O Clone, interpretando a linda e sensual Jade. A partir daí, somente sucessos como A Casa das Sete Mulheres, Da Cor do Pecado e Amazônia. Giovana sempre que surge na tela, recebe elogios por sua interpretação.

9 - Carolina Dieckmann

Outra atriz que está na TV desde a década passada. Como criança fez inúmeros trabalhos na TV e foi conseguindo algum destaque como em Vira-Lata e Por Amor, mas também em Laços de Família ela conseguiu seu grande papel até então. Como Camila, a atriz mostrou-se completa e preparada para integrar o elenco de estrelas da emissora. Desde então, Carolina é uma das maiores estrelas da Rede Globo, pena que escolhe tão mal seus papéis, como em Senhora do Destino, Três Irmãs e Passione. Mesmo assim, ela esteve muito bem em As Filhas da Mãe, Mulheres Apaixonadas e principalmente Cobras e Lagartos.

8 - Maria Flor

Esta sim, surgiu apenas na atual década quando, em 2003, fez seu primeiro papel na TV na novelinha teen Malhação. Logo depois, a atriz saltou diretamente para sua primeira novela, Cabocla, já como co-antagonista e deu um show. Foi em Belíssima que Maria Flor foi alvo de diversos elogios da crítica. Vivendo o papel da prostituta Taís, a atriz ganhou destaque e foi crescendo sua personagem ao longo da história, graças a sua excelente interpretação. Ela já foi também protagonista de novela, em Eterna Magia. Atualmente ela é Aline, protagonista da série homônima e que vive recebendo prêmios e elogios da crítica.

7 - Ísis Valverde

Se existe uma atriz que chegou pronta para a televisão, é ela. Em Sinhá Moça, Ísis Valverde passou boa parte do tempo sem mostrar seu rosto, dando vida a personagem Ana do Véu e, mesmo apenas com a voz, ela arrasou em sua primeira aparição na TV e conquistou o público. Em seguida, a atriz fez uma pequena ponta em Paraíso Tropical e o público a queria como personagem fixa. Mas foi em Beleza Pura, com a tresloucada Rakelli que Ísis mostrou ser uma grande atriz, sem os vícios que muitas na TV apresentam. Com elogios vindos de toda a parte, ela cresceu em sua profissão e, duas novelas depois - Caminho das Índias, como Camila e atualmente em Tititi como Marcela - ela mostra ser, mesmo nova, completa.

6 - Juliana Paes

Aparentemente esta era uma que seguiria a triste história de um rosto bonito, um corpo sensual e péssimos papéis. A atriz surgiu em Laços de Família e, desde então, seus primeiros trabalhos pouco exploravam seu talento e muito mais seu corpo, deixando-a marcada como uma atriz ruim. Foi em Pé na Jaca que Juliana Paes se livrou deste estigma e mostrou quão excelente atriz é. Sem nenhuma sensualidade, a atriz segurou a onda, conseguiu dar um show de interpretação e mostrou-se competente. A partir daí, somente interpretações seguras, firmes. Em A Favorita, ela recebeu um pequeno papel, mas foi bem e fez com que sua personagem fosse ganhando cada vez mais destaque, até ter de morrer, pois a atriz iria protagonizar a próxima novela e em Caminho das Índias como Maya, Juliana conseguiu, mesmo numa novela fraca, mostrar ter muito talento.

5 - Alinne Moraes

Uma beleza diferente, e uma voz linda. Essa foi a primeira definição a Alinne Moraes, quando ela surgiu em Coração de Estudante. Mostrando uma atuação sensível e muito fofa, ela conseguiu destaque e um papel em Mulheres Apaixonadas. Ali sim, pôde mostrar seu talento e sua capacidade de atuação, recebendo vários elogios. Depois disso, Alinne já era figurinha marcada na Globo e conseguiu ótimos papéis, inclusive, como protagonista de Como uma Onda. Após o fiasco de Bang Bang a atriz surgiu com sua primeira vilã, Sílvia, em Duas Caras e simplesmente roubou a cena por sua atuação e composição genial. Em Viver a Vida, Alinne conseguiu arrancar boa atuação numa personagem ruim e enfadonha, mostrando ter muito talento.



4 - Paola Oliveira

A bem da verdade é que Paola surgiu na TV em Metamorphosis, mas como ninguém viu esta novela que foi um fiasco, acreditemos que a atriz apareceu mesmo em Belíssima. Novela que deu a ela a grande oportunidade e ela não desperdiçou. Mesmo num papel pequeno a princípio, ela conseguiu ganhar destaque e foi crescendo na história. Depois disso, a surpresa, Paola protagonista de sua primeira novela, O Profeta, e não é que a menina bonita e aparentemente tímida arrasou como Sônia e roubou a cena? A partir daí uma sucessão de papéis no horário das 6 como Ciranda de Pedra e a vilã pérfida Verônica de Cama de Gato. Paola já estava se preparando para sua protagonista na próxima novela das 6, mas foi escalada para ser a mocinha do horário nobre e a veremos em seu primeiro grande papel no horário em Insensato Coração. Merecido.

3 - Andreia Horta

A prova de que até trabalhos ruins podem mostrar grandes talentos. Foi em Alta Estação que esta baita atriz apareceu para a TV com destaque. Antes, é verdade, Andréia já havia feito Prova de Amor e JK em papéis sem grande destaque. Depois disso, o mundo da televisão e da crítica aplaudiu - e de pé - a atriz por seu talento esplendoroso na série da HBO brasileira Alice, em que ela arrasou e demonstrou ser uma das grandes atrizes de sua geração. De volta a Record, ela fez Chamas da Vida e conseguiu ser o maior destaque do folhetim, tanto destaque, que chamou a atenção da Globo e, Horta foi convidada e deu um show em A Cura. Talento nato.

2 - Marjorie Estiano

Atriz, cantora e vilã da temporada de maior sucesso da história de Malhação. Essa é Marjorie Estiano. A primeira atriz que conseguiu ficar dois anos seguidos na novelinha, no primeiro como vilã e no segundo como mocinha, e com o mesmo papel, mostra de um talento incrível. Ao abandonar a marcante Natasha, a atriz migrou diretamente para o horário nobre, com novelas seguidas, como Páginas da Vida em que ela arrasou como Marina e, depois, já em sua primeira mocinha, Maria Paula de Duas Caras. Em Caminho das Índias, a atriz teria uma personagem menor, mas foi ganhando destaque até se tornar uma das que mais aparecia como Tônia. Marjorie é querida do público, da crítica, dos colegas e dos autores.

1 - Mariana Ximenes

É bem verdade que ela também surgiu na década de 90, mas consolidou-se nesta década e, seria impossível, que Mariana Ximenes não estivesse no topo desta lista. A atriz fez inúmeras novelas, todas sem nenhuma repercussão no início de sua carreira, como Uga Uga e A Padroeira. Mas, a partir de A Casa das Sete Mulheres, Ximenes mostrou seu talento sensacional e passou a receber convites de grandes nomes. Foi protagonista de Chocolate com Pimenta e de Cobras e Lagartos e arrasou. Ainda roubou a cena em JK e, principalmente, na novela América, quando deu vida a revoltada, e divertida, Raíssa. Em A Favorita, ela mostrou muito talento com a sofrida Lara e, mesmo sendo a personagem que mais chorava, conseguiu fugir do clichê e do melodrama. Atualmente no ar em Passione, ela é, talvez, o único grande destaque da trama ao lado de Fernanda Montenegro, o que mostra seu baita talento.

8 Quebraram tudo:

Alexandre disse...

Que bom que voltou com essa 'modalidade' de lista. Mais interessantes e suscetíveis a maior 'debate'.
Gostei das atrizes escolhidas.
Mas a ordem mudaria bastante. Juliana Paes na frente de Giovanna Antonelli? nunca, nunca.! Minha lista com esses nomes ficaria:
10- Juliana Paes
9- Maria Flor
8- Marjorie Estiano
7- Carolina Dieckmann
6- Isis Valverde
5- Paola Oliveira
4- Alinne Moraes
3- Andrea Horta
2- Giovana Antonelli
1- Mariana Ximenes

obs: gosto muito da Deborah Secco e acho que ela poderia entrar aí numa 6ª posição.

Guilherme disse...

A única coisa que não gostei foi de Carolina Dieckmann na lista.

cristian-monteiro disse...

Não colocaria Isis Valverde na lista, acho ela muito ruim, não evoluiu de um papel pro outro, o mesmo vale pra Maria Flor que sempre está igual, acho ela meio sem sal... Na lista acho que Débora Falabella e Camila Pitanga (essa se consolidou nessa década) foram as que faltaram...

10- Juliana Paes
9- Marjorie Estiano
8- Paola Oliveira
7- Andrea Horta
6- Carolina Dieckmann
5- Débora Falabella
4- Giovana Antonelli
3- Alinne Moraes
2- Camila Pitanga
1- Mariana Ximenes

Rodolfo disse...

A lista ficou bastante interessante, mas faltaram alguns nomes de destaque. Camila Pitanga teve atuações bem diversificadas que foram sucesso de público e críticas como a Bebel de "Paraíso Tropical" e mais recentemente como a Rose de "Cama de Gato". Débora Falabella também é uma excelente atriz, mas faltou a ela papéis que explorassem mais de si. Tais Araujo sempre teve uma atuação muito boa, e fez história ao ser a primeira atriz negra a protagonizar novelas no horário nobre. O que a prejudicou recentemente foi o fraquissimo texto de "Viver a Vida", que tinha tudo para dar a ela, talvez, a melhor personagem de sua carreira.
Mas a lista está muito bem montada, com o talento inegável de Mariana Ximenes no topo. Ainda acredito que ela será a salvadora de Passione.

Paulinha disse...

Lista justa, eu tento não observar a lista como um pódio, e sim que a ordem é meio aleatória.
Mas como os amigos aí em cima, senti falta da Débora Falabella. É uma revelação sim da época. e Priscila Fantin? hahaha é tão canastrona assim?!
Enfim, surgiram várias, creio que foi difícil fazer essa lista. No aguardo para a próxima!

Kamila disse...

Faltou a Nathalia Dill nesta lista.

Thiago Monteiro disse...

A personagem de Giovana Antonelli tinha tanto destaque em Xica da Silva quanto ela teve como Capitu, se não mais.

RSP disse...

faltaram vanessa giacomo, natalia dill e débora duarte. mas achei a lista legal! ximenes em 1º é unanimidade

Postar um comentário

Twitter Facebook Adicionar aos Favoritos Mais

 
Tecnologia do Blogger | por João Pedro Ferreira