terça-feira, 5 de outubro de 2010

A Fazenda 03 é a melhor novela da Record. Deprimente

Bastou uma semana de exibição para ficar claro o que acontece na terceira edição de A Fazenda, principal Reality Show off-Globo do Brasil atualmente. Após mistério nos bastidores da produção, quando o programa iniciou e foi anunciado o elenco que comporia a 2ª casa mais vigiada do Brasil - com o perdão da piada infame - praticamente todos elogiaram a escolha que pareceu a mais sensata e, olhando pela estréia, de fato, o programa tinha tudo para ser o melhor.

Porém, o que não se sabia era o que aconteceria em uma semana de exibição. Brigas infindáveis, palavrões numa quantidade que causariam inveja a Dercy Gonçalves, truques, tentativas de compra de votos na PRIMEIRA Roça, pessoas agindo de má-fé, outros tentando se aproveitar da fragilidade dos participantes, surtos psicóticos e até ameaças de suicídio. Este é o resumo de A Fazenda 03.

Nem Lauro César Muniz, muito menos Marcílio Morais ou Gisele Joras e também não é Cristiane Fridman a responsável pelo melhor roteiro da Rede Record nos últimos anos. A responsabilidade do melhor texto, mais instigante e cheio de elementos dramatúrgicos que causariam inveja a Shakeaspeare é de responsabilidade dos produtores de A Fazenda.

Experimente você: reúna 15 pessoas com personalidades diferentes em uma casa e veja se é possível em uma semana ocorrer tantos conflitos. Pare, pense e relembre. Em alguma edição do Big Brother Brasil você viu tanta confusão em uma semana? E na Casa dos Artistas? E nas edições passadas do próprio Reality da Record? Quem acompanha esse formato no exterior sabe que lá também não acontece nada disso, não com uma semana de programa.

Os produtores da emissora perceberam que, no Brasil, fora da Globo o que dá audiência é dramaturgia bem produzida e, para tanto, não exitaram em transformar o programa em uma novela. Alguém realmente acredita que Sérgio Malandro, Nanny People e Monique Evans são daquele jeito na vida real? Pensem, quando os participantes foram punidos pelo erro de uma participante, a Monique Evans surtou por que? Porque todos foram prejudicados, ela exagerou? Sim, mas e o restante que achou natural serem prejudicados porque apenas uma errou. Isso acontece? Nunca. Tudo isso clima criado para haver o surto bem ensaiado de Monique.

A Fazenda 03 é, talvez, a maior decepção da história recente da TV e, pode atingir picos de 50 pontos de audiência, ainda assim será um fracasso absoluto e de proporções quilométricas porque a Rede Record vende um programa como Reality Show e, de Real não tem nada ali. Só quem não quer - ou quem aceita abaixar a cabeça somente para ter uns minutinhos de fama - não enxerga que esta edição é ensaiada, roteirizada e claramente armada. 

A Fazenda 03 nada mais é que um circo armado cheio de personagens. Personagens estes escolhidos a dedo pela produção que assistiu cuidadosamente cada edição do BBB, da Casa dos Artistas e da próprio Reality para criar personagens que lembrassem os mais polêmicos. Cada um ali faz - e muito bem feito - um personagem seguindo um roteiro, um texto. Uma pena que a emissora novamente optou pelo caminho da audiência fácil e decidiu chamar o telespectador de idiota.

Nesta quarta sai normalmente a Review de A Cura 1x08

3 Quebraram tudo:

Fake disse...

E vc acha que o BBB não é ensaiado, roteirizado e claramente armado???
Reality Shows são assim. A record exagerou, mas não que os outros sejam reais, só são mais discretos para enganar o povão, e ainda tem gente que adora, defende e idolatra este tipo de programa totalmente sem qualidade.
Eu não me engano e não perco tempo com reality's, com NENHUM! Se ilude, quem quer!

luciana disse...

Nao concordo em nada.

Julinha disse...

Pra mimm isso tudo o q foi dito aki é verdade e é a cara da record que faz de tudo pra querer desbancar e imitar a globo é bem a cara mesmo i baixo por audiencia é a cra deles o bbb pode até ser roterizado e ansiado mais nunca claramente armado sua muito natural

Postar um comentário

Twitter Facebook Adicionar aos Favoritos Mais

 
Tecnologia do Blogger | por João Pedro Ferreira