quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Uuma Rosa com Amor foi ruim, mas cumpriu papel importante

Encerradas as atividades e exibição da novela de Tiago Santiago, sua primeira na nova casa SBT, Uma Rosa com Amor, é possível realizar um balanço importante do que ocorreu na emissora, especificamente na área de teledramaturgia no ano de 2010.

A emissora de Sílvio Santos tem duas posturas ao longo da história e que podem tentar explicar o momento da trama de Tiago Santiago. Um dos momentos mais marcantes do SBT se deu em meados da década de 90, quando o proprietário entendeu que, se quisesse brigar com a Globo em qualquer esfera, deveria investir no que o brasileiro mais gostava de ver, as telenovelas. A partir daí, a Rede passou a produzir novelas de qualidade e deu resultados extraordinários por anos a fio. Tramas como Éramos Seis, Sangue do meu Sangue, As Pupilas do Senhor Reitor e até Chiquititas estão gravadas na memória da população brasileira.

O segundo momento se deu justamente no início da atual década, quando a Rede Record passou a investir também na área e Sílvio Santos recuou, temendo uma guerra de bastidores que inflacionaria o preço do Mercado e inviabilizaria as produções da Casa. Com isso, o SBT perdeu toda a recente história de produção de telenovelas e caiu no esquecimento do público.

A tentativa de retomar o projeto começou há alguns anos com produções de novelas escritas pela esposa de Sílvio, Íris Abravanel. Novelas despretenciosas e que nem merecem avaliação mais rígida voltaram a abrir as portas do SBT para o Mercado. A contratação de Tiago Santiago foi o passo mais importante que a emissora deu na década em busca de retomar seu lugar na teledramaturgia brasileira.

Tiago Santiago nunca foi bom autor. Era de se esperar que Uma Rosa com Amor fosse uma novela sem profundidade, com diálogos didáticos e irritante em alguns momentos. Com a fraca direção, principal ponto baixo da emissora em relação a concorrência, a trama acabou sendo constrangedora em alguns momentos. Vários destaques negativos, inclusive a maior parte da atuação do elenco que, mesmo bem escalado, não soube usar todo o potencial em virtude da péssima direção. Destaque positivo no elenco foi um: Carla Marins, grande protagonista.

Porém, tudo isso é menor. O SBT com Uma Rosa com Amor voltou a marcar território no cenário nacional em relação às novelas. O público que estranhou muito porque tinha perdido o costume de ver o produto na emissora, acabou não dando audiência satisfatória até mais da metade da produção, porém, como era de se esperar, a audiência cresceu e, na última fase da novela girou sempre entre 7 e 9 pontos (a média geral da trama foi de 6 pontos). O último capítulo conseguiu fechar com 10 pontos e na vice-liderança isolada, grande resultado para a Casa.

O grande ponto positivo de Uma Rosa com Amor foi, portanto, justamente este, recolocar a emissora no Mercado e, com Tiago Santiago produzindo novas telenovelas e Íris Abravanel, agora autora que estudou e se preparou, é possível que os resultados comecem a aparecer e a melhorar.

2 Quebraram tudo:

Gustavo Henrique disse...

Concordo, mas para que fazer uma novela se não terá qualidade nenhuma?
Uma Rosa Com Amor é pior que uma novela feita na mão de amadores, SBT deveria caprichar um pouco mais na qualidade, até porque as primeiras novelas podem ser até fracas, mas Uma Rosa com Amor é péssima, muita péssima!

@Gabriel_GBueno disse...

O texto de Uma Rosa foi primário, uma coisa que qualquer estudante de quarta série poderia fazer, mas o Tiago Santiago sabe muito bem como levantar a audiência. Ele inseriu ação, romance centrado no casal protagonista e no triângulo amoroso que se formou já ne reta final entre Terezinha, Beto e Milton. Agora, penso que se o SS quer mesmo investir nisso, têm que deixar a Carla Marins no SBT. Estranho que o contrato da Thaís Pacholek, quem nem é muita coisa, ele renova. A intérprete da Erci também foi perfeita. Ela sim devia ser a Nara. Mas as lembranças na cabeça das donas de casa sobre essa novela sempre existiram e, pena, o SBT nunca vai reprisar essa novela.

Postar um comentário

Twitter Facebook Adicionar aos Favoritos Mais

 
Tecnologia do Blogger | por João Pedro Ferreira